Governo de PE amplia horários de bares e restaurantes no interior e libera torcidas em eventos esportivos, com exceção de futebol profissional

0
35

Publicado às 18h58 desta quinta-feira (22)

O governo de Pernambuco anunciou, nesta quinta-feira (22), o avanço no plano de convivência com a Covid-19, no Agreste e no Sertão do estado. Também liberou a retomada da presença de até 100 pessoas nas torcidas em competições esportivas, com exceção dos jogos de futebol profissional.

As novas medidas entram em vigor a partir de segunda-feira (26). Com isso, todo o estado terá as atividades funcionando no mesmo horário da Macrorregião I, que compreende o Grande Recife e partes da Zona da Mata e Agreste.

Os avanços foram anunciados em coletiva online pelo secretário estadual de Saúde, André Longo, e pela secretária-executiva do Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça.

De acordo com Ana Paula Vilaça, com a unificação do horário de início e de término das atividades, os bares e restaurantes passam a ter autorização funcionar, em todo o estado, das 5h às 23h durante a semana e nos fins de semana e feriados.

Além disso, os shoppings poderão funcionar das 9h às 22h em todos os municípios pernambucanos. “Isso é possível graças a os avanços nos números da saúde”, destacou.

Sobre a retomada da presença das torcidas em competições esportivas, a secretária explicou que, além da liberação de torcidas com até 100 pessoas nas arquibancadas, as atividades esportivas poderão funcionar até 23h todos os dias da semana.

“A exceção é de jogos de futebol profissional, cujo protocolo está sendo construído”, disse Ana Paula Vilaça.

Ela lembrou que Pernambuco voltou a permitir música ao vivo em bares e restaurantes na segunda-feira (19). Foram liberadas as apresentações com até três pessoas no palco.

“As apresentações estão liberadas, desde que respeitado o protocolo específico para esse segmento e permanecendo ainda a proibição da dança para evitar aglomeração nesse primeiro momento”, destacou.

Saúde

De acordo com o secretário André Longo, na semana epidemiológica 28, encerrada no sábado (17), os casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) voltaram ao mesmo patamar do fim do ano passado, com 705 notificações.

“Isso representa uma queda de 23% em relação a semana epidemiológica 27 e de 28% em relação aos últimos 15 dias. A solicitação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) caiu 8,6% entres as semanas 28 e 27”, observou.

O secretário informou que, mesmo com a conversão de leitos para atendimento de outras doenças, a ocupação de leitos de UTI por pacientes com Covid-19 está perto de 50%.

“Permanece em patamares baixos. Pela primeira vez desde o início de janeiro, temos menos de 800 internados em leitos de UTI para SRAG dentro da rede pública”, disse.

Fonte: G1 PE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui